sábado, 30 de janeiro de 2010

Casamento Religioso



Casamento Religioso.

O inicio dar-se à da seguinte forma, o oficiante dirá:
Estamos reunidos na presença de Deus e destas testemunhas a fim de invocarmos as bençãos de Deus sobre __________ e ___________, que se unem no Santo matrimônio, bem como de compartilharmos da alegria que enche os seus corações.

Então se fará uma leitura da palavra de Deus, pedindo os presentes que acompanhem a leitura em pé, a explanação deve ser dirigida principalmente aos nubentes, porém pode também dirigir algumas palavras aos convidados e testemunhas.

Para os nubentes:
Gn 2. 18,21,24; Ef 5.25-33; Ef 5.22-24 e outros.

Votos:
ele/ela, você conserva o propósito de receber, ela/ele por sua esposa(o) e viver com ela(e) segundo os mandamentos de Deus no santo estado de matrimônio?
Você promete consagrar-lhe amor e honra, consolá-la e conservá-la tanto na felicidade ou na desventura, na riqueza ou na pobreza, na enfermidade como na saúde e guarda-se somente para ela(e) enquanto ambos viverem?

O oficiante dirá:
Diante do que acabais de afirmar, perante mim, ministro do evangelho do nosso Senhor Jesus Cristo, eu vos proclamo casados, constituídos em família, marido e mulher.

Proceder com a entrada das alianças:
________ e _________ esta aliança que colocareis no dedo anular um do outro, representam o sinal de compromisso de fidelidade e amor. Receba a minha benção em nome do Senhor Jesus Cristo.

Ele primeiro coloca a aliança no dedo anular da mão esquerda dela, e depois ela coloca a aliança no dedo anular da mão esquerda dele.

O oficiante pede que eles ajoelhem, coloquem a mão dele sobre a dela e as duas sobre a Bíblia e ora pelo casal.

Benção apostólica.
Que o Senhor vos abençoe e lhes dê a paz, que faça resplandecer o vosso rosto e abençoe a vossa descendência.

Fim
Alguns Conselhos aos casais.

Assim com duas folhas de papel coladas, com uma cola escolar por exemplo, se tentarmos separá-las vai ficar pedaço de uma na outra, não tem como separar totalmente.

O cordão umbilical já foi cortado há um bom tempo, a tua familia é ela e vice-versa, os teus problemas são para serem resolvidos dentro das paredes de sua casa, se fugirem ao teu controle procure o teu Deus em oração e leitura da palavra, procure o teu pastor e por fim um profissional da área, psicólogo.

Os teu filhos são herança do Senhor, e você é responsável por eles, não os teus pais, não as autoridades, não a escola que ele estuda e muito menos o porteiro da Igreja. Não deixe que nada fique no meio de vocês, nada de dizer, ´´Hoje vou dormir no sofá.``, o teu lugar é do lado dela(e).

Aprendam,
a arte pedida do amor verbal.

Aprendam,
a dizer palavras de amor que acariciam a alma, o toque físico é importante, o sexo dentro do matrimônio é benção fora é maldição, porém, a alma é tocada com palavras.

Exaltem,
no casamento as qualidades do seu conjugue, diga que ela(e), é bem melhor, é mais agradável, etc.

Reserve,
momentos regulares, de vez em quando, com o seu conjugue para revigorar e renovar o romance em seu casamento.

Postar um comentário

Postagem em destaque

Cerimônia Fúnebre: Funeral

Todo Pastor, Presbítero ou Dirigente de congregação deve estar pronto para realizar um cerimonial fúnebre, ( funeral ), é uma oportunidade p...