domingo, 29 de agosto de 2010

INFORMAÇÃO: POLITICA

O povo tem o direito de saber o que os candidatos pensam, por causa disto vai aí algumas informações. Eu sinceramente espero que a Igreja esteja com total liberdade para falar as verdades biblicas, afinal a mesma diz: E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará.

Vote com candidatos que apoiem a verdadeira família, ética e boa conduta em geral.

A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, disse hoje que é favorável à união civil de pessoas do mesmo sexo e que é contra alterações na atual legislação que regula o aborto. “Sou a favor da união civil. Acho que a questão do casamento é religiosa.

Eu, como indivíduo, jamais me posicionaria sobre o que uma religião deve ou não fazer. Temos que respeitar”, afirmou, durante sua participação no programa “Roda Viva”, transmitido pela internet e que será exibido às 22h desta segunda-feira pela TV Cultura. “Direitos civis básicos, direito à herança e a receber a aposentadoria do parceiro, são direitos civis e devem ser reconhecidos de forma civil.”

Em relação ao aborto, a ex-ministra-chefe da Casa Civil defendeu que mulheres que se enquadram nos casos previstos em lei – estupro e risco de morte para a mãe – devem ter o direito de ser atendidas pelo serviço público.
texto extraido do blog do Robson Pires.
Dilma Rousseff a favor do casamento gay e da legalização do aborto
A chefe da Casa Civil, ministra Dilma Rousseff, 49, manifestou-se sobre dois temas polêmicos para a Folha de São Paulo nesta semana e defendeu o direito dos gays a um reconhecimento de suas relações pelo estado. “Sou a favor de que, do ponto de vista das suas relações, as pessoas definam o que elas acham mais adequado. Quem sou eu para julgar qualquer coisa? Depois de uma certa idade, a gente fica mais sábia”, afirmou.

texto extraido do Bem Paraná.

Citando um trecho bíblico, Serra referiu-se a Salomão. Frisou que o momento era propício, entre os fiéis, para conquistar inspiração e energia para o desafio de cumprir sua missão.
Na sua fala, o ex-governador de São Paulo destacou o trabalho “extraordinário desenvolvido pelas igrejas evangélicas em todo o Brasil nas questões sociais” e pediu para que trabalhem juntos com o objetivo de transformar o País na “melhor Nação do mundo”.
Também afirmou, que o Estado não deve legislar sobre o casamento entre pessoas do mesmo sexo em cerimônias religiosas.
Tabu no Congresso Nacional, a discussão sempre vem à tona em época de campanhas eleitorais, mas, passado esse momento, cai novamente no esquecimento.
O grande empecilho é a falta de vontade e os conservadores das bancadas evangélicas e católicas.” Braga lembra que nem mesmo a primeira proposta sobre o assunto, apresentada pela ex-deputada federal Marta Suplicy, há 15 anos, considerada bastante conservadora, saiu do papel.

“A proposta da Marta foi um pezinho na água para sentir a temperatura do Congresso em relação ao assunto, mesmo assim está parada”.

O que dizem os candidatos a presidente sobre o assunto

Marina Silva (PV)

“É um direito (a união civil de bens) que as pessoas têm. Se as pessoas têm um patrimônio junto, por que não podem usufruir desse patrimônio? Se têm uma união estável, por que não podem ser beneficiários do mesmo plano de saúde?"

José Serra (PSDB)

“Se preencher os requisitos que há para qualquer um que vai adotar (não há problema). Isso vale para qualquer tipo de casal, qualquer tipo de pessoa. Não vejo por que não aprovar. Acho que há tanto problema grave relacionado a crianças pobres no Brasil que (a adoção) pode ser uma salvação.”

Dilma Rousseff (PT)

"Sou a favor da união civil. Acho que a questão do casamento é religiosa. Eu, como indivíduo, jamais me posicionaria sobre o que uma religião deve ou não fazer. Temos que respeitar."
 texto estraido do Vote Brasil.

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Salvação.

5117 ... um kord ', a-kord'-li-ção: No Antigo Testamento, peh, a boca "," lutar com um acordo "(# Jos 09:02) lephi", segundo a boca do , "segundo as suas famílias" (Gênesis 47:12 # ", conf. a (o número) dos seus pequeninos" a versão revista, a margem). Em # Isa 59:18 a mesma palavra hebraica, ke'al, torna-se "de acordo com" e "em conformidade". Em homothumadon Novo Testamento, indicativo da harmonia da mente ou da ação, # Atos, 1:14, 2:46, 7:57, 18:12 e kata, da mesma opinião .... segundo Jesus Cristo (# Ro 15:5); Automatos, "por si só", "sem restrição", "aberto a eles por sua própria iniciativa" (# At 12:10), ou seja, sem intervenção humana (compare Le # 25 : 5 a King James Version; # Senhor 4:28); authairetos ", de sua livre escolha" (# 2Co 8:17). Deus "retribuirá a cada um segundo as suas obras" (# Ro 2:6), isto é, de conformidade com a natureza ...

ACORDO, de acordo; ASSIM

um kord ', a-kord'-li-ção: No Antigo Testamento, peh, a boca "," lutar com um acordo "(# Jos 09:02) lephi", de acordo com a boca, "de acordo às suas famílias "(# Ge 47:12," acc. a (o número) dos seus pequeninos "a versão revista, a margem). Em # Isa 59:18 a mesma palavra hebraica, ke'al, torna-se "de acordo com" e "em conformidade". Em homothumadon Novo Testamento, indicativo da harmonia da mente ou da ação, # Atos, 1:14, 2:46, 7:57, 18:12 e kata, da mesma opinião .... segundo Jesus Cristo (# Ro 15:5); Automatos, "por si só", "sem restrição", "aberto a eles por sua própria iniciativa" (# At 12:10), ou seja, sem intervenção humana (compare Le # 25 : 5 a King James Version; # Senhor 4:28); authairetos ", de sua livre escolha" (# 2Co 8:17). Deus "retribuirá a cada um segundo as suas obras" (# Ro 2:6), isto é, de conformidade com a natureza de seus trabalhos (# 1Co 3:8), a salvação, mas não está de acordo com obras (2 Timóteo # 1: 9; Tito 3:5).

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Música Profana





Introdução:
 A música profana é a música não-sacra, vinculada as tradições não religiosas  da intelectualidade humana. O termo refere-se também a toda a música feita fora do culto ou sem o intuito do louvor.


MÚSICA - A arte de combinar agradavelmente os sons. Existe desde os tempos mais antigos (Gn 4.21). Usava-se música para comemorar vitórias (Êx 15.1-21; Jz 5) e em outras ocasiões, como festas (2Sm 19.35), casamentos (Jr 7.34) e enterros (Mt 9.23). Às vezes era acompanhada de dança (Êx 15.20; 1Sm 18.6-7; Mt 11.17). Davi e Salomão contribuíram para o desenvolvimento da música coral e instrumental em Israel (1Cr 6.31-48; 16; 2Cr 29.25). Usavam-se instrumentos de cordas (HARPA, LIRA, SALTÉRIO); de sopro (FLAUTA, GAITA, ÓRGÃO, TROMBETA de metal ou de chifre [ BUZINA; NTLH, corneta]); e de percussão (ADUFE, CÍMBALO, CÍTARA, PANDEIRO, TAMBOR, TAMBORIL, TAMBORIM). O canto, tanto na forma uníssona como coral, e a música instrumental tinham seu lugar nos cultos e na vida religiosa do povo de Deus do AT e do NT (1Cr 16.4-7,37; Is 51.3; Mt 26.30; Ef 5.19; Cl 3.16).

Adufe



HINO - Poesia musicada usada nas reuniões de adoração a Deus e na devoção particular. O livro dos Salmos era o hinário de Israel e da Igreja cristã. O hino cantado após a ceia (Mt 26.30) foi o HALEL (Sl 113-118). Lucas registra quatro hinos cristãos, os hinos do Advento, conhecidos pelos seus títulos em latim: o Magnificat "engrandece" - (Lc 1.46-55); o Benedictus "bendito" - (Lc 1.68-79); o Nunc Dimittis "agora despedes" - (Lc 2.29-32); e o Gloria in Excelsis "glória nas alturas" - (Lc 2.14). Há citações de hinos, aparentemente, em (Ef 5.14, Fp 2.6-11, 1Tm 1.17; 3.16; 6.16; 2Tm 4.18).

Quero despertar você para o perigo de certas músicas, principalmente as internacionais e também deve se ter cuidado com as mensagens subliminares, por exemplo podemos citar a seguinte letra da música ´´Demons`` (Demônios), de Rigor Mortins:

Viemos para tomar seus corpos, para estuprar sua almas indefesas,
para transformá-los em criaturas sem misericórdia e frias.
Nós os forçamos a matarem seus irmãos, a beberem seu sangue e comerem seu os miolos,
a retalharem a carne e a chuparem os ossos até que todos fiquem isanos.
Somos pestilentos e contaminamos.
As legiões de demônios do mundo prevalecem.


 Como tem sido a tua escolha:
  O que você sente ao ler uma letra de música como esta, pois devamos tomar todo cuidado. 
Nós precisamos separar a música sacra da música profana, não ouvir música que traga somente emoções e sentimentos carnais e sim que alimente a nossa alma.
 Vejam sob uma óptica bíblica o significado da música POEIRA da IVETE SANGALO:

A minha sorte grande foi você cair do céu
Minha paixão verdadeira

É lindo teu sorriso,
O brilho dos teus olhos
Meu anjo querubim

Chegou no meu espaço mandando no pedaço
Um amor que não é brincadeira

Pegou me deu um laço
Danço bem no compasso, de prazer,
Levantou poeira

Foi você cair do céu: quem foi que caiu do céu? Apocalipse. 12:9 diz: "E foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente, chamada o Diabo, e Satanás, que engana todo o mundo; ele foi precipitado na terra, e os seus anjos foram lançados com ele."

Meu anjo querubim: isto confirma que está se referindo a um anjo e confirma que é Satanás,
pois descrevendo a Satanás antes de sua rebelião, Ezequiel. 28:14, 15 diz: "Tu eras o querubim, ungido para cobrir, e te estabeleci; no monte santo de Deus estavas, no meio das pedras afogueadas andavas. Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado, até que se achou iniquidade em ti. "

Chegou no meu espaço, mandando no pedaço: quem será que quis adoração só pra si? Querendo mandar em quem os anjos e humanos deviam servir.

Pegou me deu um laço: quem é descrito em 1 Pedro 5:8: "Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar. "

Mensagem subliminar:
 A psicologia é quem melhor define Subliminar: - Qualquer estímulo produzido abaixo do limiar da consciência, e que produz efeitos na actividade psíquica ou mental. A Mensagem Subliminar é dotada de uma arte a mais. A arte da persuasão inconsciente. Ela trabalha com o subconscientes das pessoas.

Profano ou Sacro:
  A partir de agora, e utilizando as ferramentas podemos dizer que música sacra é tudo aquilo – mas somente aquilo – que não é música profana. Que não pode ser confundida em sua forma e essência.    
 Nesse caso, porém, o conceito de Música Sacra terá que ser adaptado a cada cultura: ela será diferente da música secular de um povo; produzida por instrumentos musicais que não estejam unicamente associados à música profana daquela região, e deverá ser sempre coerente com o texto que a acompanha.

Louve ao Senhor em todo tempo:
 A música Sacra foi influenciada pelos gregos.
Deve ser santa, e por isso excluir todo o profano não só em si mesma, mas também no modo como é desempenhada pelos executantes.
Naquela época, ser cristão era um ato de bravura e coragem que, muitas vezes, era pago com seu próprio sangue; Os cristãos, refugiados nas catacumbas, cantavam com Fé e Amor a Cristo. 

 

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Sexualidade



Sexualidade é um termo amplamente abrangente que engloba inúmeros fatores e dificilmente se encaixa em uma definição única e absoluta.
Teoricamente, a sexualidade assim como a conhecemos, inicia-se juntamente à puberdade ou adolescência, o que deve ocorrer por volta dos 12 anos de idade (Art. 2º – Estatuto da Criança e do Adolescente). Entretanto, em prática, sabemos que não se configura exatamente desta forma.
O termo “sexualidade” nos remete a um universo onde tudo é relativo, pessoal e muitas vezes paradoxal. Pode-se dizer que é traço mais íntimo do ser humano e como tal, se manifesta diferentemente em cada indivíduo de acordo com a realidade e as experiências vivenciadas pelo mesmo.
Para a especialista, esse "grude" pode resultar em gravidez indesejada já que após o relacionamento sexual o casal fica ainda mais ligado emocionalmente e muitos, sentem-se "donos" um do outro. Mas, estão longe da maturidade. É dever dos pais colocar os pés no freio, impor limites, aconselhar e buscar dosar o relacionamento, jamais se acomodarem e achar que ao estar "namorando" os filhos estão livres do perigo. Educar é um ato diário, árduo e insistente, alerta a psicóloga.

Já que na época actual um homem normalmente não tem o seu futuro assegurado antes dos 25 anos (e, às vezes, aos trinta ainda não o tem), um namoro que começa na adolescência está “condenado”, em princípio, a ser excessivamente longo. Nessas condições, costuma perder o entusiasmo e o vigor inicial. Além disso, apresentam-se situações moralmente muito perigosas pela frequência com que os namorados se expõem a situações amorosas. Se não estiverem em condições de casar-se num prazo relativamente curto ou, pelo menos, razoável, o namoro tende a converter-se numa espécie de beco sem saída que prejudica o equilíbrio dos dois jovens.

Em segundo lugar, é preciso mencionar com destaque a pornografia difundida pelos meios de comunicação. Difundem-se diariamente imagens eróticas de todo o tipo, numa sociedade que parece literalmente obcecada pelo sexual. A literatura, o cinema, a televisão, as revistas, o teatro, a música, tudo estimula os adolescentes e os jovens a dar livre curso a tendências que por si só não são nada fáceis de governar na idade em que se encontram.
SENSUALIDADE:
LASCÍVIA (Rm 1.27).Conduta vergonhosa, como sensualidade, imoralidade sexual, libertinagem, luxúria (Mc 7.22; Gl 5.19).

Sabe-se que a adolescência é uma fase muito complicada da vida, e que os adolescentes passam por mudanças bruscas; no momento só querem saber de diversão, nem sempre optando pela decisão mais sensata.

O que realmente ocorre é que para os pais, seus filhos nunca crescem - sempre serão pequenos como ao nascer. Acham que não têm responsabilidade para resolver seus problemas sozinhos, querem sempre tê-los sobre o calor e carinho de suas “asas”.
Os pais têm um pouco de razão nisso, eis que a única intenção é proteger os seus filhos, resguardando-os das enrascadas da vida, sobretudo dos vários problemas que uma vida a dois pode proporcionar. Contudo, é importante encontrar o limite para essa “super-proteção”, pois em considerável parcela das ocorrências, esta acaba sendo encarada, pelo adolescente, como uma verdadeira “prisão” (tiram a liberdade dos filhos, uma das coisas mais importantes e desejadas por eles), e quando o adolescente precisar encarar a realidade não saberá se defender sozinho, ou seja, os pais acabam contribuindo para a “confecção” de um filho totalmente dependente, sem iniciativa, e, sobretudo, desprevenido para com os problemas do mundo moderno.

Nós pais precisamos, saber o momento certo de aceitar a individualidade dos filhos. Se casados então mais ainda, quando o filho casa, quando chega a maior idade, continua filho, deve-se respeito, porém o equilibrio precisa esatar evidente.

A faixa etária de garotas com 14 a 17 anos, que ficam grávidas é extremamente grande. Um filho indesejado e na adolescência pode ser um grande problema, no qual, quase sempre é resolvido na forma mais incorreta, o aborto.
Mais de 50 milhões de bebês são abortados por ano em todo o mundo. A crueldade com a criança que ainda se encontra no útero da mulher, é terrível. Ela sente uma dor inimaginável. Às vezes quando o aborto é feito “tarde”, a criança pode até nascer viva e morrer em seguida. 

Não existe o gene homossexual. O homossexual não nasce, se faz. Não é possível demonstrar cientificamente que a homossexualidade está ligada à herança genética ou que a tendência a ser homossexual esteja determinada desde o nascimento. O que está demonstrado e que é defendido por um amplo e respeitável sector científico é que a prevalência da tendência homossexual obedece a factores ambientais e está condicionada pela própria psicologia e educação. Qualquer pessoa pode realizar actos homossexuais se quiser e pode também deixar de realizá-los se quiser. Por isso, a maioria dos homossexuais pode deixar de sê-lo como a terapia clínica tem demonstrado... Um ambiente favorável à homossexualidade aumenta o número deles nesse ambiente; por outro lado, em um ambiente onde a homossexualidade é tolerada mas não propagada, diminui o número de homossexuais.


Legalizar o casamento homossexual significa por toda a máquina educativa do Estado a serviço do homossexualismo político. Se o casamento gay é legal, isto será ensinado nas escolas. Os livros textos das crianças explicarão a doutrina que as associações homossexuais tenham indicado: que a homossexualidade é normal, que é bom ter dois pais e duas mães, que as crianças devem experimentar sua sexualidade para descobrir que sexo lhes atrai mais e que as pessoas que se opõem à homossexualidade (como os pais das crianças cristãs) são intolerantes. ´De de se supor que cada seriado de televisão terá seu par de homossexuais ou lésbicas com crianças, convivendo felizes para exemplo e edificação de tantos casamentos com problemas. De fato, há na Espanha centros de “scouts” e de ócio infantil que activamente difundem já esta ideologia.

Obs:
 O texto acima foi extraido do blog: A Saúde da Alma.

Acredito que meninos devem ser criados como meninos e meninas como meninas, para o menino; bola e carro de brinquedo e para a menina que tal boneca e um eletros domésticos de brinquedo lógico.
Os pais devem orientar seus filhos para o tempo certo do namoro e contatos físicos, o pai ou mãe tem este direito e dever.
"Lésbica é a mulher que alimenta forte emoção e afeto por outra mulher, incluindo ou não relações eróticas." (MOTT, O lesbianismo no Brasil , p. 15.)

A palavra “homossexual” aparece publicada pela primeira vez em 1869, em um panfleto em que Kertbeny discute a proibição da sodomia pelo Código Penal prussiano.

o Pequeno Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa define “lesbianismo” como sendo “Um dos vícios sensuais contra a natureza; aberração do instinto sexual”;Esse mesmo dicionário de 1939 traz o termo “homossexual” como um adjetivo, “Referente a atos sensuais entre indivíduos do mesmo sexo; que pratica esses atos”.
originalmente referia-se somente às habitantes da ilha de Lesbos, na Grécia. Na antigüidade, entre os séculos VI e VII a.C., morava naquela ilha a poetisa Safo, admirada por seus poemas sobre amor e beleza, em sua maioria dirigidos às mulheres. Por esta razão, o relacionamento sexual entre mulheres passou a ser conhecido como lesbianismo ou safismo.

Drogas e Seus Males.

 

Droga é uma droga:

Sai dessa furada, não use drogas em hipótese nenhuma, droga mata.Se droga fosse bom teria um outro nome.

A Bíblia nos alerta que devamos abandonar os vícios e suas mazelas, observe:

Jeremias 3:2  Olhe para o alto dos montes e veja: será que existe algum lugar onde você não agiu como prostituta? Você ficava na beira da estrada esperando os fregueses, como um árabe que espera no deserto para assaltar alguém. Você manchou a terra de Israel com a sua prostituição e os seus vícios.
Romanos 1:29  Estão cheios de todo tipo de perversidade, maldade, ganância, vícios, ciúmes, crimes de morte, brigas, mentiras e malícia. Caluniam
Efésios 4:19  Eles perderam toda a vergonha e se entregaram totalmente aos vícios; eles não têm nenhum controle e fazem todo tipo de coisas indecentes.

1-Uso de drogas e performance do atleta, em especial Maradona:  

A cocaína antes dos jogos, incrementa a performace do atleta psicologicamente falando, pois cria no jogador uma sensação de bem estar e de super poderes aumentando assim a coragem e disposição dentro de campo. Em Abril de 1991, Maradona então jogador do Napoli, foi flagrado no exame antidoping e suspenso por 15 meses pela Federação Italiana.Utilizava também, efedrina, fenilpropanolamina, pseudoefedrina, norpseudoefedrina e metaefredina, estimulantes que aumentam o desempenho físico do atleta, promovendo a melhora nos reflexos, diminuição da sensação de fadiga e aumenta os reflexos e a força. Com isso, foi expulso da Copa de 94 e desde então, jamais outro jogador foi pego no exame anti- dopping. Assim sendo, fatos como estes, levam alguns especialistas e críticos a diminuírem os feitos de Maradona dentro de campo, visto que o mesmo actuava em circunstancias diferentes dos demais por utilização de substancias proibidas.

Outro caso notório e vergonhoso, foi no jogo da Copa do Mundo de 1990 que terminou 1X0 para a Argentina, onde a a Selecção Argentina preparou agua com sonífero para dar aos jogadores brasileiros. O jogador Branco passou a ser alvo de chacota de Maradona num programa de televisão que ele fazia "La Noche del Diez"que passou a imitar um bêbado em alusão a esse jogador que tomou sem saber da agua baptizada.
Em 2000, inicia um tratamento contra as drogas em Cuba, após ser internado depois de tomar um coquetel de remédios em Punta Del Este, no Uruguai, e quase morrer. Na ilha, se enfurece com fotógrafos locais, agride-os e quebra o vidro de um carro com um soco, rendendo-lhe novo processo. Esteve próximo da morte novamente em 2000 em Setembro, quando destrói sua caminhonete ao chocar-se com um ônibus em Havana, escapando ileso por milagre. Em Outubro é contratado para manager do Almagro, mas jamais assume o cargo.

Em Abril de 2004, fica novamente a ponto de morrer. Passa mal após assistir um Boca Juniors x Nueva Chicago na Bombonera e é internado com problemas cardíacos infecção pulmonar na Clínica Suíço-Argentina, em Bueno Aires, constatando-se overdose de cocaína.


2-O que é a Droga:
Droga (do francês drogue, provavelmente do neerlandês droog, "seco, coisa seca"), narcótico, entorpecente ou estupefaciente são termos que denominam substâncias químicas que produzem alterações dos sentidos.
Droga, em seu sentido original, é um termo que abrange uma grande quantidade de substâncias, que pode ir desde o carvão à aspirina. Contudo, há um uso corrente mais restritivo do termo (surgido após quase um século de repressão ao uso de certas substâncias), remetendo a qualquer produto alucinógeno (ácido lisérgico, mescalina etc.) que leve à dependência química e, por extensão, a qualquer substância ou produto tóxico (tal como o fumo, álcool etc.) de uso excessivo, sendo um sinonimo assim para entorpecentes.


3- Conceito: 
Droga é toda e qualquer substância, natural ou sintética que introduzida no organismo modifica suas funções. As drogas naturais são obtidas através de determinadas plantas, de animais e de alguns minerais. Exemplo a cafeína (do café), a nicotina (presente no tabaco), o ópio (na papoula) e o THC tetrahidrocanabiol (da cannabis). As drogas sintéticas são fabricadas em laboratório, exigindo para isso técnicas especiais. O termo droga, presta-se a várias interpretações, mas ao senso comum é uma substância proibida, de uso ilegal e nocivo ao indivíduo, modificando-lhe as funções, as sensações, o humor e o comportamento. Do ponto de vista jurídico, segundo prescreve o parágrafo único do art. 1.º da Lei n.º 11.343, de 23 de Agosto de 2006 (Lei de Drogas): "Para fins desta Lei, consideram-se como drogas as substâncias ou produtos capazes de causar dependência, assim especificados em lei ou relacionados em listas actualizadas periodicamente pelo Poder Executivo da União". Isto significa dizer que as normas penais que tratam do usuário, do dependente e do traficante são consideradas normas penais em branco. Actualmente, no Brasil, são consideradas drogas todos os produtos e substâncias listados na Portaria n.º SVS/MS 344/98.
As drogas estão classificadas em três categorias: as estimulantes, os depressores e os perturbadores das actividades mentais. O termo droga envolve os analgésicos, estimulantes, alucinógicos, tranquilizantes e barbitúricos, além do álcool e substâncias voláteis. As psicotrópicas, são as drogas que tem tropismo e afetam o Sistema nervoso central, modificando as actividades psíquicas e o comportamento. Essas drogas podem ser absorvidas de várias formas:por injecção, por inalação, via oral ou injecção. 
4-tipo de droga:  
  • Depressivas - diminuem a actividade cerebral e podem dificultar o processamento das mensagens que são enviadas ao cérebro. Exemplos: álcool, barbitúricos, maconha, diluentes, cloreto de etilalança perfume, ópio, morfina, heroína, e inalantes em geral (cola de sapateiro e etc). 
  • Psicotrópticas ou estimulantes - produzem aumento da atividade pulmonar, diminuem a fadiga, aumentam a percepção ficando os demais sentidos activados. Exemplos:cocaína, crack, cafeína, teobromina(presentes em chocolates) metanfetamina, anfetaminas (bolinha, arrebite), etc.

Quanto à forma de produção do indivíduo no comportamento cerebral podendo atrapalhar o processamento ou não, classificam-se como:
  • Naturais
  • Semi-sintéticas
  • Sintéticas

Quero escrever um pouco sobre, álcool, maconha, cocaína e crack.

Álcool: 

A bebida alcoólica pode ser considerada como a droga mais vendida no planeta, e o alcoolismo, dela decorrente, é um sério problema de saúde pública mundial.Foi comprovado que o consumo moderado de álcool está associado a um maior risco de doença de Alzheimer e outras doenças senis, angina de peito, fracturas e osteoporose, diabetes, úlcera duoldenal,cálculo biliar, hepatite A, linfomas, pedras nos rins, síndrome metabólica, câncer no pâncreas e gastrite. O consumo moderado também pode dificultar a memória e o aprendizado, e até piora a pontuação em testes de QI.

Maconha:
A cânabis produz efeitos psicoativos e fisiológicos quando consumida. A quantidade mínima de THC para poder notar-se um efeito perceptível é de cerca de 10 microgramas por quilo de peso corporal. Para além de uma mudança na percepção subjectiva, as mais comuns de curto prazo são efeitos físicos e neurológicos, que incluem aumento da frequência cardíaca, diminuição da pressão do sangue, diminuição da coordenação psicomotora, e perda de memória. Efeitos a longo prazo são menos claros.
Alguns estudos associam o uso prolongado da Cannabis com o desenvolvimento de canceres pois sua fumaça possui de 50% a 70% a mais de hidrocarbonos cancerígenos que o tabaco. Os cânceres mais citados em estudos são os que afectam o respiratório e o sistema reprodutor.

 Cocaina: 
Muitos efeitos devem-se à estimulação dos sistemas simpático e dopaminérgicos diretamente. A cocaína causa danos cerebrais microscópicos significativos com cada dose. Com o início do consumo regular os danos tornam-se irreversíveis.
Os seus efeitos imediatos duram de 30 a 40 minutos. Entre os efeitos descritos da droga no sistema nervoso central estão:
(i) efeitos psicológicos: euforia, sensação de poder, ausência de medo, ansiedade, agressividade, excitação física, mental e sexual, anorexia (perda do apetite), insônias, delírios.
(ii) efeitos no organismos: taquicardia, aumento na frequência dos batimentos cardíacos (sensação do coração bater mais rápido e mais forte contra o peito), hipertensão arterial, vasoconstrição, urgência de urinação, tremores, midríase (dilatação da pupila), hiperglicemia, suor e salivação intensa e com textura grossa, dentes anestesiados.

Crack:
Crack é uma doga feita a partir da mistura de cocaina com bicarbonato de sódio geralmente fumada. É uma forma impura de cocaína e não um sub-produto. 
O crack eleva a temperatura do corpo, podendo causar no dependente um acidente vascular cerebral. A droga também causa destruição de neurônios e provoca a degeneração dos músculos do corpo (rabdómiolese), o que dá aquela aparência característica (esquelética) ao indivíduo: ossos da face salientes, braços e pernas finos e costelas aparentes. O crack inibe a fome, de maneira que os usuários só se alimentam quando não estão sob seu efeito narcótico. Outro efeito da droga é o excesso de horas sem dormir, e tudo isso pode deixar o dependente facilmente doente.
 A maioria das pessoas que consome bebidas alcoólicas não se torna alcoólatra. Isso também é válido para outras drogas. No caso do crack, com apenas três ou quatro doses, às vezes até na primeira, o usuário se torna completamente viciado

5-Uso de drogas: 

É comum distinguir o abuso do uso de drogas de seu consumo normal. Esta classificação refere-se à quantidade e periodicidade em que ela é usada. Outra classificação, se refere ao uso das drogas em desvio de seu uso habitual, como por exemplo o uso de cola, gasolina, benzina, éter, lóló, dentre outras substâncias químicas. Os usuários podem ser classificados em: experimentador, usuário ocasional, habitual e dependente.

6-Motivos associados ao uso: 

Os motivos que normalmente levam alguém a provar ou a usar ocasionalmente drogas incluem:

  • Problemas pessoais e sociais;
  • Influência de amigos, traficantes assim como da sociedade e publicidade de fabricantes de drogas lícitas;
  • Sensação imediata de prazer que produzem;
  • A facilidade de acesso e obtenção;
  • Desejo ou impressão de que elas podem resolver todos os problemas, ou aliviar as ansiedades;
  • Fuga;
  • Estimular;
  • Acalmar;
  • Ficar acordado ou dormir profundamente;
  • Tentar parecer fixe;
  • Emagrecer ou engordar;
  • Esquecer ou memorizar algo;
  • Fugir ou enfrentar;
  • Inebriar;
  • Inspirar;
  • Fortalecer;
  • Aliviar dores, tensões, angústias, depressões;
  • Aguentar situações difíceis, privações e carências;
  • Encontrar novas sensações, novas satisfações;
  • Força do hábito;
  • Muitas das vezes revolta dos filhos contra os pais.
  • Sentimento de Poder e sentir-se acima dos outros.

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Cerimônia Fúnebre: Funeral

Todo Pastor, Presbítero ou Dirigente de congregação deve estar pronto para realizar um cerimonial fúnebre, ( funeral ), é uma oportunidade para se falar de vida eterna, salvação e evidenciar os valores espirituais com que o Espírito Santo dotou aquele servo que agora passou para o senhor.

O oficiante deve conhecer a vida espiritual e o testemunho da pessoa falecida, sendo assim pegar os pontos positivos daquela pessoa para exemplo das pessoas presente; porém deve ser evitado exageros, ou ´´aumentar`` algum episódio da vida do falecido, para evitar constrangimento.


Como realizar a cerimonia:
  1. Comparecer ao local pelo menos uma hora antes, comprimentar os presentes e evitar a famosa pergunta: Tudo bem?. Diga tão somente: Meus sinceros sentimentos!; ou já cite algum versículo que traga conforto aos familiares e amigos.
  2. Iniciar com uma oração cpadlicoesbiblicas.blogspot.com o tão de voz moderado, nada de sorrisos. Dizer o significado do ato, as palavras são dirigidas ao vivo nunca ao falecido, ali está somente um corpo inerte; deve se estar ciente do horário em que o cortejo deixará o local do velório e irá em direcção ao local de sepultamento.
  3. Previamente tendo conversado com a família e a mesma concordando, entoar alguns hinos, por exemplo da Harpa Cristã, nº 371, nº 83, nº 88 e nº 187.
  4. Ouvir algum membro ou obreiro da Igreja, sem tomar muito tempo, depois ler algum texto que pode ser: 1 Ts 4.13-18; 2 Co 1.5-7; 5.1-10; 1 Co 15.39-55; Ap 14.13 e 21.3,4. usando um tom de voz compatível com o momento faça a explanação é um bom momento para se reflectir sobre a verdadeira razão da vida e falar de Salvação.
  5. Após o ato o oficiante fará mais uma oração, suplicando a Deus a consolação para todos e em se tratando de um servo de Deus agradecer ao senhor pelo tempo que ele passou entre nós.
  6. Após esta oração, o oficiante dirá: ´´Está concluída a cerimonia e a condução do sepultamento fica a critério da família.``
No local do sepultamento deve ser feita somente uma breve oração respeitando o momento de dor pela perda do ente-querido.  

                                  Postado por:
                                                    Pb. Rogerio Brum Rodrigues.

sábado, 7 de agosto de 2010

Cuidados Com as Armadilhas da Politica.

Hoje estamos vivendo uma época difícil, satánas tem tentado destruir famílias, usando os políticos para criar leis que tira autoridade dos pais e autoridade eclesiástica.

A família, a Igreja, a boa conduta e a ética, elas estão sendo massacradas, precisamos dizer um basta, a arma que o cidadão tem é o voto, para que o mal vença só é necessário que os de bem se cale, não aceite este massacre, lute pela liberdade da família e liberdade da fé.

Não aceite ser boi de manobra, a desculpa é a causa dos homossexuais mais é só uma desculpa, o interrese deles é destruir a família, a Igreja a liberdade de escolha. Uma mordaça.

CUIDADO COM O SEU VOTO.

Maria José Sá

João Vítor Costa Lima, de 6 anos, não para um só segundo. Ele mesmo se auto intitula “muito custoso”, e parece se orgulhar das peraltices. O menino conta que, às vezes, a mãe perde a paciência, lhe dá umas palmadas e põe de castigo. “Quando falo palavrão, ela dá tapa na minha boca e no traseiro. Mas eu não ligo. Se ela não fizer isso, eu não sossego”. A vigilante Maria Aparecida Pereira Lima, 37, afirma que, enquanto não dá uns tapinhas, João Vítor não obedece. "” bati com violência. Mas tem hora que precisa de umas palmadas. Não quero que a polícia bata no meu filho, no futuro, porque não o eduquei.”

O Projecto Palmada,n° 2654/03, de autoria da deputada Maria do Rosário (PT/RS) e  que tramita no Congresso Nacional, altera o Estatuto da Criança e do Adolescente e o Código Civil.

O educador e promotor de justiça aposentado Paulo Pergentino Motta, 76, é contra qualquer forma de agressão, mas afirma que o tapinha correctivo não pode ser abolido e, na dosagem certa, traz benefícios. “O tapinha correctivo faz a criança perceber o perigo, como no caso de quem põe os dedinhos na tomada”, exemplifica. Motta trabalhou, por muitos anos, com menores infractores que cumpriam medida sócio-educativa. Ele afirma que tem que haver equilíbrio e sensatez na aplicação de castigos. “As pessoas têm que ser civilizadas. O exagero não educa. A criança que leva palmadas toda hora não as considera, e a punição perde a eficácia”.

JORNAL DO BRASIL.
A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, promulga nesta quarta-feira a lei que permite o casamento entre pessoas do mesmo sexo, em um ato que contará com a presença de grupos de gênero e de direitos humanos e de organizações sociais.

É um alerta, tenha cuidado vote em candidatos compro missado com a família, com a causa verdadeiramente  social, seja um observador o homem fala do que o seu coração está cheio.
 

Postagem em destaque

Cerimônia Fúnebre: Funeral

Todo Pastor, Presbítero ou Dirigente de congregação deve estar pronto para realizar um cerimonial fúnebre, ( funeral ), é uma oportunidade p...